Nós da Poesia pelos caminhos da América Latina

Coletivo de autores da antologia organizada pelo Instituto Imersão Latina, com a participação de poetas ativistas culturais. Acompanhe sempre a agenda de eventos literários e de artes integradas do Nós da Poesia no facebook/nosdapoesia e nosdapoesia.blogspot.com Confira »

Criança não é Brinquedo

\\\\\\\"Quem tem presente, pensa no futuro\\\\\\\", com este slogan iniciamos o primeiro projeto do Imersão Latina em 2005 Confira »

Mais de 30 milhões de pessoas são escravizadas diariamente

Crianças e adolescentes migrantes da América Latina são mais vulneráveis ao tráfico humano. Entre na luta contra esta realidade. Confira »

Imersão Latina celebra a diversidade cultural

Para um futuro realmente sustentável tem que se cuidar de preservar a terra e as tradições culturais. Acompanhe sempre pelo blog do Imel nossas atividades e de parceiros. Participe! Na foto: Festa das crianças em Água Lima com a participação do Boi Rosado. Confira »

Residência Imersão Latina recebe artistas latino-americanos em agosto no Brasil

Conosca el proyecto de Residencia Imersão Latina y siga esta experiencia Conheça o projeto de Residência Imersão Latina e acompanhe essa experiência Confira »

 

Instituto Imersão Latina - Imel

Somos uma associação de escritores, jornalistas, produtores culturais, pesquisadores e artistas independentes, formada por ativistas que se preocupam em defender e mostrar toda a diversidade cultural, ambiental e de idéias da América Latina.

O Colectivo de Escritura Migrante lança a videoarte Usted no Está Aquí hoje no Fórum Social Mundial

Ustednoestaaqui

O Colectivo de Escritura Migrante inicia 2021 lança seu novo videoarte: “Usted No Está Aquí” durante o Fórum Social Mundial, que começa hoje com uma marcha virtual, onde o vídeo é uma das obras participantes das ações culturais e vai até o dia 31 serão várias atividades, que podem ser vistas pelo plataforma no wsf2021.net. O Instituto Imersão Latina e o Colectivo de Escritura Migrante também estão promovendo outras atividades em parceria com a Ciranda.net, o Sindiescritores e a AIAB – Academia Inclusiva de Autores Brasileiros. A Rede Sem Fronteiras e a  Associação de Jornalistas e Escritoras do Brasil em Minas Gerais – AJEB-MG também apoiam na difusão.

A obra Usted no Está aquí conta com a participação de mais de 30 artistas convidados de Argentina, Bolívia, Brasil, Chile, Colômbia e Uruguay. Trata-se de um trabalho multilinguagens, com criações gráficas, música indígena e eletrônica, poesia sonora e visual, além de atuação, em linguagens que se dinamizam para tratar esteticamente do tema das migrações no continente Sul-Americano.

Nosso continente foi povoado por povos migrantes, fato que se adensou com as invasões europeias e atualmente tem desdobramentos políticos impactantes em relação aos direitos humanos. Para além disso, há toda uma escrita, toda uma literatura produzida por essas pessoas que buscam uma nova vida para além da linha do horizonte, para além das fronteiras de seu lugar de origem.

Com produção da brasileira Brenda Mar(que)s Pena (Instituto Imersão Latina), edição do chileno Ivan Verdugo (Uará) e direção do brasileiro Tchello d’Barros (Fluxo Filmes), a obra estreia na Marcha de Vídeos do Fórum Social Mundial (World Social Forum), que neste 2021 acontece online em função da pandemia.  Após, será inscrito em festivais e posteriormente exibido nas redes sociais. Assista a estreia em: [Link do WSF em que haverá a marcha de vídeos]

O colectivo de Escritura Migrante é formado por diversos artistas latinos e promove encontros presenciais e virtuais, debates, apresentações artísticas, manifestos, oficinas, obras em diversas linguagens, sempre na perspectiva do entrelaçamento cultural.

:::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::

(Sinopse)

“USTED NO ESTÁ AQUI” | Videoarte

“A literatura viaja, a poesia migra, a arte transgride fronteiras físicas e idiomáticas. As migrações contemporâneas no continente Sul-Americano demandam fortalecer as identidades culturais de nossos povos ao tempo que se entrelaçam nossas expressões artísticas. “Usted no está aqui” apresenta caminhadas e palavrarias, estetizadas poeticamente em vocábulos sonoros, visuais e musicais. Um videoarte que desenha uma utópica linha do horizonte, na qual nós, habitantes e viajores deste continente, seguimos em frente com nosso destino latino, político e poético.”

Colectivo de Escritura Migrante
:::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::

Participantes do videoarte “Usted No Está Aqui”:

ALBA VIEIRA – ALEXEI PADILLA – AMAPOLA ARAYA – AVELIN BUNIACÁ KAMBIWÁ – BLANCA MORENO SAGREDO – BRENDA MAR(QUE)S PENA – CLAUDIA VACA – CRIS CABÚS – DANIEL DE ASSIS TRINDADE – ELCIO LUCAS – ELI RODRIGUES – ESTELLA CRUZMEL – IARA ABREU – IVAN VERDUGO – IVANA ANDRÉS – JAIRO MARTINS – JAMMY SAID – JOZZY DE SOUZA – KERLEY CHAGAS – LIVIA TUCCI – LUA MIRANDA – Mª. ANGÉLICA CARTER MORALES – Mª. TEREZA PENNA – NASSAU DE SOUZA – OSMANY SABALSA – RICARDO MUNIZ DE RUIZ – OTTO GONÇALVES – RENATA BARCELLOS – RODRIGO LEIVA – SARIR UMA – TCHELLO D’BARROS – VANESSA DELGADO KATÚM – VIVIAN CARL
::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::
O vídeo, que integra as atividades da Marcha Mundial está disponível no PeeerTube, plataforma livre de vídeos do Fórum Social Mundial  e também será disponibilizado  no youtube/imersaolatina e facebook/escrituramigrante em fevereiro após o encerramento do Fórum.

Escritores abordam desafios da inclusão durante o Fórum Social Mundial na literatura neste domingo

A atividade será gratuita e transmitida pelas redes sociais

Diante dos novos desafios enfrentados pelo mundo, como ficou a inclusão social de pessoas com deficiência visual e como a arte pode ser fundamental nesse processo? Esta é a pergunta que norteará a atividade do Fórum Social Mundial, realizada em parceria com Sindicato dos Escritores do Distrito Federal, Academia Inclusiva de Autores Brasilienses (AIAB), Academia de Letras do Brasil (ALB/DF) e Instituto Imersão Latina.

A mesa será formada pela  escritora Dinorá Couto Cançado (Brasília), pela jornalista e editora da Rede sem Fronteiras Dyandreia Portugal (Portugal), pela professora formadora na área da deficiência visual Elinalva Alves de Oliveira (Ceará) e pelo escritor e artista visual Tchello d’Barros (Rio de Janeiro). “São convidados totalmente engajados com arte inclusiva e vai ser maravilhoso acompanhar esse bate papo, que contará com o apoio da Jerusa Eulálio na audiodescrição e da Olivamar Cieslak na tradução em Libras”, explica o escritor, jornalista e cartunista Arisson Tavares, que mediará o encontro.

A atividade é indicada para todos os tipos de público. “É imprescindível falar de inclusão, mas uma inclusão de fato e de direito. Não só das pessoas que apresentam alguma deficiência, seja ela visual, como é o time de nossa mesa, mas auditiva, física e mental. Incluir todos, principalmente os considerados normais, mas que não acordaram ainda para o espírito humanitário, a solidariedade, a humildade e a amorosidade, que é minha palavra de ordem nessa pandemia”, destaca Dinorá.

O encontro será transmitido ao vivo no dia 24/01, às 10 horas, horário de Brasília, pelo Facebook/sindescritores e no Youtube/imersaolatina

 

 

Fórum Social Mundial terá painel da Rede Sem Fronteiras no dia 30 de janeiro

Fórum Social Mundial de 2021 será realizado totalmente online, entre os dias 23 e 31 de janeiro, quando se completam 20 anos da primeira edição, realizada em 2001, em Porto Alegre. O evento terá esse formato virtual devido às dificuldades impostas pela pandemia de covid-19.

Fórum Social Mundial é um espaço aberto internacional organizado pela sociedade civil, movimentos sociais e ONGs para articular alternativas à globalização neoliberal. Nasceu em 2001, em contraponto ao Fórum Econômico Mundial em Davos, Suíça.  Este ano, tem como objetivo  possibilitar respostas aos graves e urgentes desafios da conjuntura a nível global e iniciar as comemorações do seu  20º aniversário. Espera-se a participação de milhares de pessoas em centenas de atividades autogestionadas.

As atividades estão divididas em cinco eixos-temáticos: Paz e Guerra; Justiça Econômica; Educação, Comunicação e Cultura; Feminismo, Sociedade e Diversidade; Povos Originários e Ancestrais; Justiça Social e Democracia; e Clima, Ecologia e Meio Ambiente. No último dia de evento serão definidas as lutas sociais para o próximo período.


Rede Sem Fronteiras participará do Fórum promovendo um painel com debate sob o tema: 

“A importância da divulgação da produção literária do escritor no mundo, por meio das instituições culturais”, com a participação de escritoras parceiras.

MEDIADORA:

*Dyandreia Valverde Portugal (Portugal)

Escritora, Jornalista, Presidente da Rede Sem Fronteiras

 

DEBATEDORAS:

*Betty Silberstein (Portugal)

Escritora e Conselheira da Rede Sem Fronteiras

 

*Beti Rozen (EUA)

Escritora e Executiva da Editora Sem Fronteiras Press


*Dinorá Couto Cançado (Brasil)

Escritora e Presidente da AIAB


*Juçara Valverde (Brasil)

Escritora e Vice-Presidente da UBE-RJ e Diretora PEN Clube do Brasil

 

*Lúcia Amélia Aeberhardt (Suíça)

Escritora e Presidente da Madalena´s Suíça Brasil

O painel virtual acontecerá no dia 30 de janeiro, às 14h (Brasil)/17h (Portugal).


Marque na agenda!!

Vocês são nossos convidados!!

Vida, arte e economia da cultura em tempos de pandemia

Participe das atividades do Fórum Social Mundial. Inscreva-se pelo wsf2021.net

Dia 27/01/21 às 18h00, hora de Brasilia (22h UTC- Londres)

A arte e a cultura tem sido pilares das democracias e projetos democrático-populares em todo o mundo. Mas sua sustentabilidade e capacidade de financiamento tem sido seriamente afetadas, não só no showbizz mas em todas as instâncias de projetos culturais, formação e fomento de produções em todos os setores da cultura. Para debater alternativas e soluções diante do cenário de isolamento social no último período estarão reunidos fazedoras e fazedores de cultura, gestoras e pensadores da área para avaliar quem são os novos atores e atrizes, o que se formou na ausência do estado no último período e que plataforma e agenda públicas são possíveis.

Participantes
- Vinicius Borba – Poeta, produtor e jornalista – DF – Mediador
- Preto Zezé – Presidente da CUFA Brasil
- Rafa Rafuagi – Rafa Rafuagi – rapper/coordenador de auto gestão e sustentabilidade da Associação Cultura Hip Hop de Esteio
- Rita Andrade – Conselheira Nacional de Política Cultural – CNPC
- Pedro Vasconcelos – Sec. de Cultura de Novo Hamburgo (RS), ex-secretário da SCDC
- Luciana Ribeiro – Jornalista, produtora cultural, música
- Daniele Canedo – Coord. de Cultura UFRB e do Observatório de Economia Criativa da Bahia;
- Erica Caminha – artista visual, ativista em direitos humanos, idealizadora da página Esquerda compra de esquerda

Dia 27/01/2021 – 18h00
Online: Facebook.com/Sindescritores e Youtube.com/Imersaolatina

Assine hoje a petição para que Todos os indígenas no Brasil sejam vacinados contra o Covid-19

WhatsApp Image 2021-01-17 at 21.53.08
Está aberta uma petição para que Todos os Indígenas do Brasil  sejam vacinados contra o Covid-19 A mobilização nasce de um coletivo de indígenas do Amazonas, no momento em que mais sofremos com a pandemia e as propositais ações de morte dos governos.Para que fique claro: o governo federal não quer vacinar a população indígena que vive fora das áreas demarcadas.Isso deixará de fora mais da vacinação mais da metade da população indígena do Brasil. Pedimos que assinem a petição pela vacinação indígena.As assinaturas serão coletas até amanhã. Posteriormente esse documento também será protocolado no Ministério Público Federal.

Compartilhem: https://forms.gle/FjiSEfrRg53UxGpCA

A quarta edição da revista A Imensa Minoria está disponível para leitura no nosso site

a imensa minoria revista 4 ed1

O lançamento da Revista A Imensa Minoria foi esta semana no facebook.com/minasvivas, com transmissão simultânea no bit.ly/minasvivas e youtube.com/imersaolatina. Hoje disponibilizamos gratuitamente as páginas da revista para leitura em nosso site.

Boa leitura!

https://www.imersaolatina.com/?page_id=1969

Revista cultural A Imensa Minoria chega à sua 4ª edição com lançamento gratuito na internet amanhã

Publicação de artes e política é organizada pelo ator Germán Milich Escanellas em parceria com a jornalista Brenda Marques do Instituto Imersão Latina

A partir do dia 12 de janeiro de 2021, estará disponível, de forma online e gratuita, a 4ª edição da revista “A Imensa Minoria – Arte, Mercado & Filosofia”. O lançamento será feito na live Minas Vivas, mediada pela jornalista Brenda Marques Pena, na próxima terça-feira 12 de janeiro, às 20h, convidando a artista e cantora Bárbara Barcellos, uma das colaboradoras dessa edição, Bruna Kassab, fundadora da Evoé Cultural, que também escreve para a revista, além do artista uruguaio Germán Milich Escanellas, que vive em Belo Horizonte. Brenda é uma das organizadoras da revista.

“A Imensa Minoria” #4 chega ao público refletindo sobre marketing, o mercado da arte e a produção artística de Belo Horizonte e da América Latina. A publicação tem como desejo principal qualificar a discussão sobre economia cultural na cidade e seu entorno, disseminando seus conhecimentos e opiniões de maneira responsável e totalmente gratuita. A revista traz como lema a frase: “A arte, como a luz do sol, pode e deve chegar a todos”.

Assim, esta edição traz reflexões sobre financiamento coletivo e leis de incentivo à cultura, num artigo escrito por Bruna Kassab; a cena autoral da música em Belo Horizonte, em conversa com Bárbara Barcellos; e a nova montagem d’A Imensa Minoria, “Desconstruindo a Quiroga – crônicas da masculinidade tóxica”, a partir da obra do autor uruguaio Horacio Quiroga e com atuação de Germán Milich Escanellas.

SOBRE A IMENSA MINORIA

Revista cultural em formato PDF e um conteúdo de extrema qualidade que tem como objetivo ser compartilhada sem barreiras por meio de mensagens instantâneas como WhatsApp, e-mail e messenger. “A Imensa Minoria – Arte, Mercado & Filosofia” também é disponibilizada gratuitamente no endereço com a lógica de 1 clique = clicou baixou, de forma gratuita.

SERVIÇO

– Live Minas Vivas! com Brenda Marques + Convidadas para Lançamento da Revista “A Imensa Minoria” #4- 12 de janeiro de 2021 às 20h
– Ao vivo no https://www.facebook.com/minasvivas e pelo YouTube no canal Brenda Marques Pena. Acesso pelo bit.ly/minasvivas

– A revista será disponibilizada gratuitamente para download no site Primeiro Sinal (http://www.primeirosinal.com.br/revista-a-imensa-minoria).

SOBRE BRENDA MARQUES

BRENDA MAR(QUE)S PENA é uma artista multifacetada: escritora, jornalista, fotógrafa, baterista e performer. Nasceu e vive em BH, onde trabalha na Rede Minas Cultural e Educativa. É fundadora do Instituto Imersão Latina. Diretora da Associação de Jornalistas e Escritoras do Brasil, em Minas Gerais – AJEB-MG. Autora dos livros:  Tsunâmica (Sangre Editorial, 2019) Manos Pulsantes (O Lutador, 2017), DESnaturalizados (Editora Saramandaia, 2016), Poesia Sonora – História e Desdobramentos de uma Vanguarda Poética (Editora Tradição Planalto, 2009), Utopias Possíveis: Imersão Latina: 10 anos (O Lutador, 2015) e organizadora das antologias do coletivo Nós da Poesia, atualmente na 7ª edição.

SOBRE GERMÁN MILICH ESCANELLAS

Germán Milich Escanellas é um artista uruguaio que mora em Belo Horizonte desde 2004. Realizou o Oficinão do Grupo Galpão/Galpão Cine Horto (2004) e foi fundador da Cia Malarrumada de teatro, além de produtor cultural do projeto Manuelzão. Atualmente trabalha na criação de uma ponte entre Uruguai e Minas Gerais para ampliar o campo laboral de artistas.

Imersão Latina celebra dia internacional do Migrante com poesia!

Tipográfico Canal do YouTube Arte (5)

Hoje é dia internacional do migrante e nós do Instituto Imersão Latina junto com o Colectivo de Escritura Migrante preparamos um especial com poesía.

Participaram desta homenagem pelo Brasil, Brenda Marques Ivana Andrés e Tchello d´Barros.

POEMAS VISUAIS DE TCHELLO D´BARROS

15 anos do Imersão Latina e segue o baile…

Há 15 anos o Imersão Latina começava os primeiros projetos, o site imersaolatina.com foi lançado e desde então não paramos, com muitos projetos desenvolvidos, muitas trocas de afetos e resistência cultural.  Celebraremos com um Baile Virtual nesta sexta, 30 de outubro, com muita arte. A transmissão do evento será a partir das 20h pelo youtube.com/imersaolatina e facebook.com/imersaolatina e facebook.com/nosdapoesia.

O evento é gratuito, mas é sugerida uma doação no valor de R$ 30,00 que dá direito a um exemplar de Nós da Poesia, livro publicado coletivamente pelo Instituto.

Dados bancários para depósito ou transferência:
BANCO DO BRASIL
Agência 3014-7
conta-corrente: 135533-3
Instituto Imersão Latina
CNPJ: 11.861.797/0001-38

Envie o comprovante de depósito no valor de R$ 30,00 (trinta reais).  com seu endereço para:  imersao@imersaolatina.com

Em até 15 dias você receberá um livro em sua residência.
Para mais informações sobre o Instituto Imersão Latina, entre em contato por e-mail:  imersao@imersaolatina.com ou pelo telefone: 55 + 31 98811-9469 (WhatsApp)Participantes

Estão confirmadas participações de vários países tanto ao vivo como com vídeos de poesia, dança e outras artes.

Participam pelo Brasil: Aline Cântia, Avelin Buniacá, Alzerina Pinho, Brenda Marques, Dalva Silveira, Dina Magalhães, Ênio Silva, Ivana Andrés, Luizão Paiva, Maria Anésia, Nelson Pombo Junior, Olga Valeska, Paula Valéria, Rogério Salgado, Sabrina Marques, Tânia Diniz, Tchello D´Barros e Verlaine Prado, por Cuba Alexei Padilha, pelo Chile vídeos do Colectivo de Escritura Migrante com Amapola Araya, Jéssica Muñoz, Iván Verdugo. E também canto popular chileno. Pela Colômbia vídeo de Osmany Sabalza, do Uruguai  Eli Rodriguez e pela Venezuela Siboney Del Rey e Fidel Antillano.

Sobre o Imersão Latina 

O Instituto Imersão Latina (Imel) é uma associação de escritores, jornalistas, produtores culturais, pesquisadores e artistas independentes formado por ativistas que trabalham na defesa dos povos da América Latina. A diversidade cultural, a comunicação como um direito universal e a acessibilidade aos bens culturais permeiam os objetivos dos projetos realizados pelo Instituto, sempre de modo coletivo: Nós da Poesia, Residência Imersão Latina, Criança não é Brinquedo, Casa de Escambo, Ponto de Memória de Pompéu, entre outros.

Veja vídeo da Dalva Silveira, doutora, historiadora, escritora e pesquisadora relembrando momentos do Imersão Latina nestes 15 anos de história.

Festival Jopoi Musical reúne artistas e organizações ambientais contra as queimadas na Amazônia

basta quemata kv cuadrado

Por Brenda Mar(que)s Pena

Em virtude dos incêndios que assolam alguns países da latinoamérica, como Brasil, Paraguai e Argentina, organizamos o Jopoi #BASTAQUEMATA, um festival virtual de música onde os/as/es artistas/es trabalharão voluntariamente, como também o farão especialistas/es da área ambiental e brigadistas/es que fornecerão depoimentos sobre o contexto das áreas atingidas pelas queimadas. O festival buscará arrecadar recursos financeiros para instituições que estão no combate direto ao fogo.

De acordo com Gustavo Felix, um dos organizadores, o festival de música nasceu com a premissa de se tornar visível e oficializar como um nexo entre a sociedade e as pessoas e / ou organizações que lutam, dia a dia, contra o avanço das diferentes fontes de incêndios em todo o território latino-americano.

O evento terá a missão de conscientizar sobre a complexa e urgente situação ambiental em que se encontra nossa região.

Disponibilizando canais de contato para que de qualquer lugar do planeta você possa ajudar diretamente os protagonistas que estão na linha de fogo #Paraguai #Argentina #Brasil e #México se unem para este #JOPOI em guarani “se ajudem”

“Acreditamos na arte como forma transformadora, de ajuda tangível e capaz de despertar a consciência de que as veias abertas da América Latina se curarão se conseguirmos erradicar as más ações em nosso solo e em nossa biodiversidade ”. Gustavo Felix.

FESTIVAL SOLIDARIO MUSICAL JOPÓI AGREGA ARTISTAS Y ORGANIZACIONES AMBIENTALES

Por Brenda Mar (que) s Pena

Debido a los incendios que asolan algunos países de Latinoamérica, como Brasil, Paraguay y Argentina, organizamos Jopoi #BASTAQUEMATA, un festival de música virtual donde artistas / artistas trabajarán de forma voluntaria, así como especialistas en la materia. ambientalistas y brigadistas que brindarán testimonios sobre el contexto de las áreas afectadas por los incendios. El festival buscará recaudar recursos económicos para las instituciones que están combatiendo directamente el fuego.

Según Gustavo Félix, uno de los organizadores, el festival de música nació con la premisa de visibilizarse y oficializarse como nexo entre la sociedad y las personas y / u organizaciones que luchan, día a día, contra el avance de diferentes fuentes. incendios en todo el territorio latinoamericano.

El evento tendrá la misión de concienciar sobre la compleja y urgente situación ambiental en la que se encuentra nuestra región.

Brindando canales de contacto para que desde cualquier lugar del planeta se pueda ayudar directamente a los protagonistas que están en la línea de fuego #Paraguay #Argentina #Brasil y # México se unen para este #JOPOI en guaraní “ayudarse mutuamente”

“Creemos en el arte como una forma transformadora, de ayuda tangible y capaz de despertar la conciencia de que las venas abiertas de América Latina sanarán si logramos erradicar las malas acciones en nuestro suelo y en nuestra biodiversidad”. Gustavo Félix.

Artistas participantes: